Mês: Fevereiro 2020

PASSAR à conversão de coração: 4ª FEIRA DE CINZAS

«A Quaresma é o tempo para reencontrar a rota da vida. Com efeito, no caminho da vida – como em todos os caminhos –, aquilo que verdadeiramente conta é não perder de vista a meta. […] Cada um de nós pode interrogar-se: no caminho da vida, procuro a rota? […] o Senhor é a meta da nossa viagem no mundo. A rota deve ser ajustada na direção d’Ele.

Hoje, para encontrar a rota, é-nos oferecido um sinal: cinzas na cabeça. […] Os grãos de cinza que receberemos pretendem dizer-nos, com delicadeza e verdade: de tantas coisas que trazes na cabeça, atrás das quais corres e te afadigas diariamente, nada restará. Por mais que te afadigues, não levarás contigo qualquer riqueza da vida. […]

A Quaresma é o tempo para nos libertarmos da ilusão de viver correndo atrás de pó. A Quaresma é descobrir que somos feitos para […] Deus, não para o mundo; para a eternidade do Céu, não para o engano da terra; para a liberdade dos filhos, não para a escravidão das coisas.»

Da homilia do Papa Francisco de 6 de Março de 2019

Passa-te connosco nesta Quaresma!

Deixa-te interpelar pelas pistas de reflexão de cada domingo, pelos símbolos e mensagens de Santa Paula.

“PASSAR POR DENTRO”: EXERCÍCIOS ESPIRITUAIS

O que são Exercícios Espirituais?

  • Os Exercícios Espirituais são um caminho provocador. Eles mobilizam e implicam a pessoa inteira: sentidos,  imaginação,  razão, afetividade.
  • Tudo é “ordenado” para que a manifestação de Deus seja percebida a partir da nossa interioridade.

“Exercitar”, “fazer Exercícios”, “fazer Retiro”

  • despertar e fazer crescer a própria criatividade: isto significa sair dos nossos esquemas para entrar na mentalidade de Deus.

Para quem:

  • Jovens com desejo de crescer na relação com Deus.

Quem dá os Exercícios

  • Ir.Goreti Faneca

Quando:

  • Chegada dia 28 fevereiro às 19h30.
  • Partida dia 1 março às 14h30.

Onde:

  • Casa de Espiritualidade do Linhó – Avenida de Cascais, 398 – Quinta da Fonte (Linhó)

Custo da atividade:

  • 35 euros – refeições (traz saco cama e toalha)
  • 40 euros  – refeições, lençois e toalha (mas que o dinheiro não seja o impedimento para viveres esta experiência)
  • pagamento à chegada

O que deves trazer?

  • Bíblia
  • Caderno + caneta
  • Roupa quente para a noite
  • Objetos de higiene pessoal
  • Relógio + despertador (para evitar o uso do telemóvel)
  • Uma “vontade grande” de paragem…

Hoje, dia 6 de fevereiro, festejamos o dia de Santa Doroteia, padroeira da Congregação das Irmãs Doroteias.

História:

“Santa Doroteia, nascida na cidade de Cesareia, na Capadócia, teve um ensino muito virtuoso, vivendo em oração e jejum após o martírio que seus pais sofreram. Doroteia era dotada de extrema doçura, humildade, prudência entre outras virtudes. Devota defensora da religião cristã, nega renunciar a sua fé Cristã, acabando por ser condenada à morte. Quando foi anunciada a sua sentença, um advogado chamado Teófilo, que estava presente, disse, em tom de gozo, para ela enviar flores e frutos do jardim do seu Senhor. Santa Doroteia sofreu o martírio. No meio de risos entre os carrascos surge então um menino que trazia nas mãos três maçãs e três rosas, de um tal aspeto que nunca se tinha visto na terra. Entregou-as a Teófilo, dizendo: ‘É Doroteia, que acaba de entrar no Paraíso, quem tas envia. Teófilo ajoelhou-se ali mesmo e pediu perdão a Deus por ter perseguido os cristãos e converteu-se” (adap. de «Experimentar Deus na vida»).

Doroteia, DOM DE DEUS porque:

  • se consagrou como VIRGEM…
  • se imolou como MÁRTIR
  •  se entregou como APÓSTOLA…

Alegremo-nos todos no Senhor, celebrando este dia de festa em honra de Santa Doroteia, Virgem e Mártir:

“Gloriosa Mártir Santa Doroteia, que do céu mandaste um cesto de frutos e flores ao teu perseguidor Teófilo, e ele,
experimentando no seu íntimo a tua bondade e a tua glória, se converteu ao cristianismo,
dá-nos a graça de vivermos fielmente o nosso batismo,
anunciando a todos a fé e, assim realizar na terra a paz e o amor.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Amém.”

X