1ª Semana da Missão Brasil

1ªsemana3

“Chegámos! Foram meses de trabalho, esforço e entrega, meses repletos de generosidade, amizade e graça, que nos permitiram chegar a esta terra como missionários da famí­lia Doroteia.

1ªsemana1Desde logo fomos recebidos calorosamente pelo clima e pessoas do Recife. Fomos conduzidos pela carrinha “pão de forma” e pela amizade das Irmãs, que nos abraçaram à chegada, até àquela que viria a ser também a nossa casa.1ªsemana2

Esta primeira semana foi a semana das “estreias”, semana de…

…CONHECER uma realidade diferente e de contrastes, a realidade calma e bela de Olinda contrastando com a agitação e ruí­do do Recife;

…APRENDER palavras (“Oxenteee!”), caminhos do dia-a-dia e culturas tão vivas no artesanato e na alegria do frevo ou do maracatu;

…SABOREAR paladares e, sendo a lista extensa, deixaremos apenas uma amostra do que tem sido a experiência culinária: paçoca, bolo de macacheira, frutas tropicais, pão de queijo, bolo de rolo, mungunzá;

1ªsemana3…VIVER momentos e encontros interculturais, na Fundação CECOSNE, com os miúdos e graúdos, e nas Jornadas Arquidiocesanas da Juventude, viver silêncios rezados e brincadeiras;1ªsemana4

…ABRAÇAR antigas amizades e a comunidade das “manas”, o projeto CECOSNE onde desejamos ser mão construtora numa rede de relação maior;

…SER comunidade missionária, “amigos no Senhor”, ao jeito de Santa Paula – “em simplicidade trabalhar“ – como aprendizes de viajante.

A fazer lembrar o Sérgio Godinho, “esta é a primeira semana do resto da nossa missão”.